Revista de Imprensa Internacional: 11.02.2019

Eis as notícias mais destacadas de hoje sobre a Turquia e o mundo na imprensa mundial:

Revista de Imprensa Internacional: 11.02.2019

Países Árabes

Al Sharq Al Awsat (jornal saudita publicado no Reino Unido): “O príncipe herdeiro árabe saudita informou Washington de que rejeitará qualquer acordo que não respeite os direitos dos palestinianos”

Al Raya Al Katariya (Qatar): “Contra a ameaça do Irão, Israel estabelece relações secretas com o Bahrein, os Emirados Árabes Unidos e a Arábia Saudita”

El Emarat El Yaum (Emirados Árabes Unidos): “Os países africanos dão passos rápidos para tentarem normalizar as suas relações com Israel”

 

Alemanha

Spiegel Online: “A minoria muçulmana e a Turquia criticam as políticas aplicadas pela China contra os uigures”

DW: “É o 40º aniversário da Revolução Islâmica: as mulheres lideram a mudança no Irão”

Focus Online: “A medida da Turquia contra o terrorismo de alimentos: o governo de Erdogan decide fazer venda direta de frutas e verduras à população”

 

Países de Língua Espanhola

El Mundo (Espanha): “Milhares de opositores em Espanha encheram as ruas para fazerem exigência de eleições antecipadas e protestarem contra as negociações do presidente do governo espanhol, Pedro Sánchez, com os independentistas catalães”

El País (Espanha): “O eixo do mal segundo Trump: Venezuela, Cuba e Nicarágua”

El Clarín (Argentina): “Maduro começou as manobras militares que irão continuar até 15 de fevereiro na Venezuela”

 

Rússia

Agência TASS: “Ministro da Defesa do Reino Unido Gavin Williamson: a Rússia deve pagar um alto preço pelas suas atividades provocatórias contra os países membros da NATO”

Agência RIA Novosti: “Embaixador russo em Ancara, Aleksey Yerhov: O volume de negócios entre a Turquia e a Rússia chegou aos 25,4 mil milhões de dólares e ultrapassou os valores de antes da crise”.

Izvestiya: “Segundo o inquérito Security Radar 2 019, os russos e os ucranianos têm muito mais receio de uma possível guerra na Europa do que os outros países europeus”

 

França

Libération: “Coletes Amarelos: destruíram a mão de um protestante em Paris”

Le Figaro: “A crise migratória de 2 015 abalou a Alemanha”

Le Monde: “Sobe novamente a tensão entre França e Itália”

 

Países Lusófonos

O Globo (Brasil): “Negligência, omissões e impunidade marcam tragédias no país. Em dez grandes casos nos últimos 12 anos, que poderiam ser evitados ou atenuados, mais de 1 700 pessoas morreram e não há condenações na Justiça”

Diário de Notícias (Portugal): “Médicos de família. Ordem quer pelo menos meia hora de consulta. A Ordem dos Médicos definiu os "tempos-padrão para as consultas médicas" em várias especialidades. Deverá ser aplicado até ao final deste ano nos setores público, privado e social”

Jornal de Angola: “União Africana mantém o projecto de passaporte único para cidadãos. A União Africana retomou o projecto de institucionalização de um passaporte único para os cidadãos dos países do continente, visando facilitar a mobilidade nos estados membros”



Notícias relacionadas