Trump conta mentiras sobre o desaparecido de jornalista saudita?

Fontes diplomáticas informaram que o presidente Trump não nomeou um inspetor para a investigação do desaparecimento do jornalista saudita Jamal Khashoggi.

Trump conta mentiras sobre o desaparecido de jornalista saudita?

Fontes diplomáticas informaram que a informação sobre os EUA nomearem um inspetor sobre o desaparecimento do jornalista saudita, Jamal Khashoggi, não reflete a verdade.

O presidente dos EUA, Donald Trump, em sua declaração sobre o jornalista de oposição Jamal Khashoggi, que desapareceu depois de entrar no Consulado da Arábia Saudita em Istambul em 2 de outubro, disse: "Temos inspetores na Turquia. Trabalhamos em conjunto com a Turquia e, francamente, também trabalhamos com a Arábia Saudita. Temos que revelar o que aconteceu com o jornalista".

Trump, em entrevista à rede norte-americana Fox, disse que está acompanhando de perto o caso e trabalha em estreita colaboração com a Turquia e a Arábia Saudita.

Khashoggi, conhecido com suas notícias sobre o Oriente Médio na imprensa ocidental e com suas contribuições para o jornal Al Watan, uma plataforma importante para os reformadores sauditas, desapareceu depois de entrar no consulado de seu país em Istambul para um processo oficial em 2 de outubro.



Notícias relacionadas