"Estamos totalmente de acordo com o presidente Erdogan no conflito em Idlib"

O Conselho de Segurança da ONU se reuniu - a pedido da Rússia - para discutir os resultados da cúpula da última sexta-feira.

"Estamos totalmente de acordo com o presidente Erdogan no conflito em Idlib"

A representante permanente do Reino Unido na ONU, Karen Pierce , - referindo-se ao artigo escrito pelo presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan - disse que "temos de fazer uma escolha entre o regime de Assad e Rússia que atacam Idlib e a Turquia que luta contra os terroristas. A Turquia tem um plano para Idlib; enquanto os oponentes lutam contra os terroristas, o regime não atacará. O Conselho deve estar falando sobre isso."

O Conselho de Segurança da ONU se reuniu - a pedido da Rússia - para discutir os resultados da cúpula na última sexta-feira entre os presidentes da Turquia, do Irã e da Rússia e a situação em Idlib.

"Concordamos totalmente com o presidente Erdogan" , disse Pierce em relação ao artigo do presidente publicado pelo Wall Street Journal.

Por seu turno, a representante dos EUA, Nikki Haley , disse que os ataques da Rúsia e do regime com bombas de barril e foguetes estão indo para hospitais em Idlib. "Eles fazem um ataque duplo de forma cruel. O regime bombardeia uma área. Espere até que as pessoas intervenham. E com isso ataca novamente. Não é profissional, é uma tática terrorista repugnante".

"A Rússia deve parar de gastar nosso tempo na questão da paz na Síria. A Rússia e o Irã tinham todos os meios para manifestar sua credibilidade como atores construtivos. O que aconteceu agora? Eles violaram seu próprio acordo de "tensão reduzida". Qualquer ataque ao Idlib aumentará a tensão. Se Assad, Irã e Rússia continuarem assim, as consequências serão sérias. O mundo os culpará".



Notícias relacionadas