O exército russo realiza a maior manobra de sua história

O Ministério da Defesa da Rússia anunciou que o ministro Sergei Shoigú comandará a manobra de terra e mar no leste do país

O exército russo realiza a maior manobra de sua história

Vostok-2018 tem o apoio de cerca de 300.000 soldados, mais de 1.000 aviões, helicópteros e VAN, 36.000 tanques, veículos blindados e 80 navios.

O Ministério da Defesa da Rússia anunciou que o ministro Sergei Shoigú comandará a manobra de terra e mar no leste do país até o dia 17 de setembro.

"O simulacro tem o objetivo de determinar o nível de planificação da preparação na organização militar, grupo de novas tropas por longas distâncias, organizar a interação entre as forças terrestres e navais, e desenvolver as habilidades operacionais de altos comandantes e suas unidades. A manobra será realizada em duas etapas. As tropas estarão estacionadas no leste do país para cumprir a missão e expandirão as forças navais nas águas do norte e do leste. Na segunda fase, os comandantes analisarão os problemas de comando entre diferentes unidades em questões de defesa e ofensivas. As tropas das FAS chinesas vão participar da simulação no polígono Tsugol ", disse o comunicado militar.

O movimento está em linha com o acordo assinado entre a Rússia, Quirguistão, Tadjiquistão, Cazaquistão e China em 1996 para reforçar a confiança no campo militar nas zonas fronteiriças.

Essa será a maior manobra na história russa depois de "Zapad-1981" no período soviético.



Notícias relacionadas