• Galeria de Vídeos

"Não há dúvida de que a Rússia responderá às sanções"

A porta-voz do Ministério de Relações Exteriores da Rússia falou sobre as sanções impostas pelos EUA.

"Não há dúvida de que a Rússia responderá às sanções"

A Rússia informou que as novas sanções impostas pelos Estados Unidos serão, sem dúvida, respondidas, justificando-as com o caso Skripal no Reino Unido.

A porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da Rússia, Maria Zaharova, disse que considera a mais recente decisão de sanções de Washington um "novo passo hostil".

Não são as fantasias da Rússia, mas medidas baseadas em uma resposta. A Rússia responderá às sanções dos EUA. O conteúdo da resposta de Moscou será determinado pelo que os senadores americanos e o lobby político vão inventar desta vez".

Zaharova também respondeu às alegações de que a Rússia estava envolvida no incidente de Salisbury. A Rússia eliminou todas as armas químicas em seu inventário, ao contrário dos EUA, disse ela.

O agente russo Skripal, que foi condenado na Rússia quando foi revelado que ele trabalhava para o serviço de inteligência britânico, M16. Chegou com sua filha ao Reino Unido depois de uma troca de espionagem. Em 4 de março, Skripal e sua filha foram encontradas em Salisbury sem consciência. Após receber alta hospitalar, seus tratamentos continuaram em casa.

O Reino Unido anunciou que eles sabem com certeza que o veneno químico produzido pela Rússia, de natureza militar e que afeta o sistema nervoso, foi usado no envenenamento. Foi indicado que este material faz parte do grupo de químicos "Novichok" produzido na União Soviética entre 1970 e 1980.



Notícias relacionadas