As portas fronteiriças de Kerm Abu Salim e Bait Hanun estão fechadas até a segunda ordem

O jornal israelense Yediot Ahronot escreveu que nesta manhã o ministro da Defesa de Israel, Avigdor Lieberman, deu a ordem para fechar os portões da fronteira de Kerm Abu Salim e Bait Hanun em troca do suposto míssil que foi lançado a Israel.

As portas fronteiriças de Kerm Abu Salim e Bait Hanun estão fechadas até a segunda ordem

Israel fechou dois portões de fronteira abertos para Gaza.

Na declaração escrita feita pela assessoria de imprensa ligada ao Departamento das portas de fronteira em Gaza foi assinalado;

"Israel fechou os portões de fronteira de Kerm Abu Salim e Beit Hanoun até a segunda ordem."

Na declaração na conta da rede social do Sindicato dos Trabalhadores da Agricultura em Gaza, foi assinnalado que Israel baixou a três milhas das 6 milhas a distância de caça na costa de Gaza.

A união transmitiu que a decisão se declarou aos pesqueiros de Gaza com alto-falantes pelas forças navais israelenses aos barcos.

O jornal israelense Yediot Ahronot disse esta manhã o ministro da Defesa de Israel, Avigdor Lieberman deu a ordem para fechar as portas de fronteira de Kerm Abu Salim e Beit Hanoun, em troca do alegado míssil que foi lançado na cidade de Beersheba, no sul Israel e também ordenou a diminuição para 3 milhas das 6 milhas a distância de caça dos pescadores em Gaza.

Em troca do alegado míssil que foi lançado de Gaza esta manhã no ataque aéreo organizado pelo exército israelense a diferentes partes da região, um palestino foi martirizado e três outros ficaram feridos.

Israel mantém a Faixa de Gaza sob bloqueio, onde quase dois milhões de palestinos vivem desde 2006.



Notícias relacionadas