França condena a violência entre Israel e a Faixa de Gaza

O exército de Israel anunciou que 150 alvos foram destruídos por aviões de guerra desde quarta-feira e 180 foguetes foram disparados de Gaza.

França condena a violência entre Israel e a Faixa de Gaza

O Ministério das Relações Exteriores da França anunciou que os ataques de Israel a vários pontos da Faixa de Gaza e à disparada recíproca de foguetes do setor de Gaza ressaltam a urgência de buscar uma solução política permanente para a região.

"Ambas as partes devem obedecer ao cessar-fogo para evitar perdas civis. Uma solução deve ser urgentemente buscada para enfrentar a crise humanitária que afeta a população palestina. Essa necessidade poderia ser compensada se Israel suspendesse o bloqueio e o governo palestino retornasse a Gaza."

A França prometeu apoiar os estudos com seus parceiros europeus para esse fim.

O exército de Israel anunciou que 150 alvos foram destruídos por aviões de guerra desde quarta-feira e como resposta, 180 foguetes foram disparados de Gaza.

Três palestinos foram martirizados - incluindo um bebê de 18 meses e sua mãe - e outros 12 ficaram feridos nos ataques israelenses em Gaza.


Etiquetas: Israel , Gaza , França , Palestinos

Notícias relacionadas