Funeral do lendário fotógrafo turco Ara Guler realizado em Istambul

Conhecido como o "Olho de Istambul" por suas icônicas fotos em preto e branco da cidade e de seus moradores, Ara Guler morreu de coração e insuficiência respiratória na quarta-feira, aos 90 anos.

Funeral do lendário fotógrafo turco Ara Guler realizado em Istambul

O funeral do aclamado jornalista e fotógrafo turco Ara Guler foi realizado em Istambul no sábado. 

Guler, conhecido como o "Olho de Istambul" por suas imagens icônicas em preto e branco da cidade e de seus moradores,  morreu na quarta-feira, aos 90 anos. 

Ele deixou para trás o maior arquivo fotográfico do mundo, retratando a sociedade turca e as pessoas no século XX. 

Guler, da minoria armênia da Turquia, nasceu em Istambul em 1928. 

Em uma carreira que durou várias décadas, Guler trabalhou para a Magnum Photos, Paris Match e para a alemã Stern, entre outras organizações, entrevistando e fotografando políticos e artistas, incluindo Winston Churchill, Dali e Picasso.

O presidente Recep Tayyip Erdogan chamou Guler de "um dos maiores nomes da arte da fotografia levantada pela Turquia".

Erdogan disse que "grandes artistas continuam a viver nos trabalhos que eles deixam para trás".

Fonte: TRTWorld e agências



Notícias relacionadas