• Galeria de Vídeos

Mais de 40 mortos em atentado suicida em uma mesquita na Nigéria

Embora nenhum grupo reivindique a responsabilidade pelo ataque, tudo aponta para o grupo terrorista Boko Haram, que permanece ativo desde o início de 2000

Mais de 40 mortos em atentado suicida em uma mesquita na Nigéria

Um ataque suicida cobrou a vida de 42 pessoas, ferindo outras 68 pessoas, em uma mesquita no leste da Nigéria.

O porta-voz da polícia, Othman Abubakar, anunciou que se trata de dois homens-bomba que atacaram os fiéis durante a oração do meio-dia na província de Adamawa.

Enquanto nenhum grupo reclama a responsabilidade pelo ataque, tudo aponta para o grupo terrorista Boko Haram, que está ativo desde o início de 2000.

O grupo começou a cometer atos maciços de violência em 2009, depois que seu líder Muhammed Yousef morreu após ser preso.

Atos terroristas e conflitos levaram ao êxodo de centenas de milhares de nigerianos.

Enquanto isso, a Turquia condenou veementemente esse ato de terrorismo e enviou suas condolências à Nigéria.

"Condenamos este segundo ato terrorista dos últimos seis meses na cidade nigeriana de Mubi e expressamos nossas condolências ao governo nigeriano e às pessoas pedindo que Allah tenha em sua glória as vítimas mortas no ato", expressou o Ministério das Relações Exteriores.


Etiquetas: Nigéria , mortos , ataque , Boko Haram

Notícias relacionadas